Teste: descubra se você tem o perfil para empreender

Sem comentários 820 Visualizações0


Teste Perfil Empreendedor

Você sabia que aproximadamente 75% da população brasileira prefere ter um negócio próprio a ser funcionário de uma empresa? Os dados são de uma pesquisa realizada pela consultoria Endeavor com o Ibope, em 2013. Outra pesquisa, essa do Data Popular, mostra que 22 milhões de jovens entre 16 e 24 anos têm vontade de abrir um negócio. Nas universidades, para cada 2 alunos, 1 tem essa intenção nos próximos 3 anos, ou seja, 50% dos estudantes de ensino superior.

Esses dados mostram a face de um país onde a motivação para empreender é uma das mais altas do mundo. Se esses são dados extremamente animadores por um lado, por outro, no Brasil, uma em cada quatro empresas fecham as portas antes de completar dois anos, segundo um levantamento do SEBRAE. O número é mais animador do que há uma década, quando metade encerrava as atividades precocemente, mas ainda representa uma dificuldade para quem está disposto a colocar este sonho em prática.

Ser empreendedor pressupõe um conjunto de comportamentos e hábitos próprios. Os estudos científicos que analisam o comportamento empreendedor procuram dimensionar comportamentos, ações e atitudes que diferenciam esse de outros perfis, estruturando características pessoais de sucesso que norteiam aqueles que desejam trabalhar por conta própria.

O mais conhecido estudo, e utilizado em larga escala no Brasil e outros países, vem da Teoria Empreendedora do psicólogo da Universidade de Harvard (EUA), Dr. David McClelland. Na década de 60, a pesquisa acompanhou 200 empreendedores, em 3 continentes, por um período de 2 anos. O objetivo era mapear o que esses empreendedores tinham ou faziam de diferente em seus negócios e identificar um conjunto de características que compusessem o perfil ideal para se empreender. Por meio de um convênio entre o SEBRAE e a ONU, em 1983, criou-se a metodologia desse estudo, surgindo, então, o Workshop de Treinamento Comportamental (EMPRETEC).

Teste descubra se você tem o perfil para empreender wattz 2

Foram mapeados os 30 comportamentos empreendedores, que foram divididos em três grandes conjuntos: realização, planejamento e poder. Também foram listadas as 10 características empreendedoras de sucesso para aplicar no dia a dia do negócio.

10 características dos empreendedores de sucesso

  1. Busca de oportunidade e iniciativa: é o olhar para o mercado, entender as necessidades e soluções para problemas que podem render lucros. Para isso, é preciso buscar a inovação, e romper paradigmas é essencial.
  2. Correr riscos calculados: nesta situação, o empreendedor assume desafios e responde por eles. O comportamento, aqui, é procurar e avaliar alternativas para tomar decisões, buscar reduzir as chances de erro e aceitar desafios moderados com boas chances de sucesso.
  3. A persistência: desenvolve a habilidade de enfrentar obstáculos para alcançar o sucesso. O empreendedor não desiste diante de obstáculos, reavalia e insiste ou muda seus planos para superar objetivos, e continua sua jornada quando muitos preferem desistir.
  4. Exigência de qualidade e eficiência: os empresários de sucesso procuram continuamente uma forma de melhorar o que fazem, alterando padrões e testando novas formas de ser mais eficiente. Exigir qualidade significa estar constantemente preocupado em melhorar seu produto para atender ao desejo do cliente. E sendo eficiente, é possível entregar a qualidade exigida pelo cliente a preço e prazo menores do que o da concorrência.
  5. Comprometimento: cumprir o que promete, sendo que, para isso, estar disposto a sacrifícios pessoais é uma das características mais marcantes do empreendedor. É preciso não se conformar e tratar  o compromisso com o cliente como algo “sagrado”. Se necessário, “colocar a mão na massa”, além de ser fiel a tudo que foi combinado e a sua palavra.
  6. Busca de informações: é a base do trabalho, é de onde o empreendedor tira subsídios para alavancar seu negócio. Os empreendedores são pessoas curiosas, perguntam tudo a todos, sejam concorrentes ou fornecedores. Estão sempre interagindo com o mercado. A busca de informação é a base de toda atividade exitosa. Todas as decisões do empreendedor são baseadas no conjunto de informações que ele obtém.
  7. Estabelecimento de metas: esse passo vai dizer para onde e em quanto tempo o empreendedor pretende alcançar suas metas e objetivos. Assim, ele persegue objetivos desafiantes e importantes para si, tem clara visão do curto e do longo prazo e cria objetivos mensuráveis, com indicadores de resultado.
  8. Planejamento e monitoramento sistemático: planejar e monitorar são atividades primordiais que colocam rumo no caminho a seguir da organização, estabelecendo tarefas de maneira objetiva, com prazos definidos, a fim de que possa ter os resultados medidos e avaliados. O empreendedor com essa característica  enfrenta grandes desafios de forma estruturada, age por etapas, adapta rapidamente seus planos às mudanças e variáveis de mercado, acompanha os indicadores financeiros e os leva em consideração no momento de tomada de decisão.
  9. Persuasão e rede de contatos: este comportamento engloba o uso de estratégia para influenciar e persuadir pessoas e se relacionarem com outras, que possam ajudar a atingir os objetivos do seu negócio. Assim, o empreendedor cria estratégias para conseguir apoio para seus projetos, obtém apoio de pessoas-chave para seus objetivos, desenvolve redes de contatos e constrói bons relacionamentos comerciais.
  10. Independência e autoconfiança: esta característica seria a consequência de todas as outras, pois é conquistada a partir dos resultados atingidos e da consciência do empreendedor de que é capaz de realizar coisas com êxito. O conhecimento aliado à experiência adquirida pela administração continuada vai incorporando confiança, desprendimento, determinação e otimismo na sua capacidade de produzir resultados e segurança em relação aos demais.

E então, gostaria de saber se você tem perfil para ser um empreendedor? Vamos ao teste?

 

Teste o seu perfil empreendedor

Esse teste é apenas uma orientação. Caso queira maior assertividade, busque ajuda profissional de um coach – nós mesmos da Wattz podemos te ajudar, se quiser. Ter o perfil não significa ir correndo montar seu próprio negócio, mas, sim, estruturar, pensar, obter conhecimento, planejar os pilares fundamentais e começar a considerar a hipótese de ser um empreendedor de sucesso. O empreendedorismo pode ser aprendido. Faça isso apenas se você se sentir confortável. Avalie seu momento e defina se é isso que vai lhe fazer feliz!

Inclusive, se você que decidiu que quer empreender, mas não sabe por onde começar, temos um ebook gratuito pra te ajudar!

E, para finalizar, algumas dicas para quem vai abrir o seu primeiro negócio:

  • Busque áreas nas quais você tem aptidão e que lhe façam feliz.
  • Estude o mercado, busque informações e ache, de preferência, um nicho pouco ou nada explorado.
  • Crie um negócio inovador, que atenda uma nova necessidade ou tenha diferenciais de atendimento, entregas, prazos, etc.
  • Faça um planejamento financeiro com capital para, pelo menos, um ano de atividade. Seja conservador na receita.
  • Dependendo da atividade, evite custos fixos desnecessários no primeiro momento, como aluguéis, carro, mão-de-obra direta, etc.
  • Não misture as finanças pessoais com as finanças da empresa.
  • Faça um estudo de viabilidade do seu negócio antes de se lançar ao mercado.

Falando nisso, temos um artigo com dicas incríveis para empreendedores de primeira viagem! Clique aqui!

Boa sorte!

Ebook Gratuito: Quero Empreender e Agora?

Posts Relacionados

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This